BID financia projeto de biocombustíveis no Brasil

Esta operação faz parte de uma iniciativa do BID para estruturar o financiamento da dívida prioritária em cinco projetos de produção de etanol no Brasil, que terão um custo total de US$ 997 milhões.

Da Redação com agências internacionais

Brasília – O Diretório Executivo do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) financiará com US$ 120 milhões um projeto de biocombustíveis da empresa brasileira Usina Moema Açúcar e Álcool Ltda.

Trata-se do primeiro financiamento do setor privado destinada a este tipo de combustíveis no país latino-americano.

Esta operação faz parte de uma iniciativa do BID para estruturar o financiamento da dívida prioritária em cinco projetos de produção de etanol no Brasil, que terão um custo total de US$ 997 milhões.

Através deste investimento, o Brasil pretende triplicar sua produção anual de etanol até 2020.

O BID disse que apóia o objetivo do Governo brasileiro de transformar o país em um centro mundial de primeiro nível para pesquisa e desenvolvimento de biocombustíveis.

O Banco trabalhou com o Brasil para facilitar a transferência de tecnologia e assistência técnica e permitir que outros países da região possam se beneficiar do conhecimento e da experiência brasileira nesta área.

“Atualmente a Moema iniciou um processo de refinanciamento dessa dívida até um montante de US$ 120 milhões, através de um pacote de financiamento preparado pelo BID”, disse em comunicado o chefe de projeto do Banco, Leandro Alves.

O pacote compreende um empréstimo do BID de até US$ 40 milhões de capital ordinário do Banco e um financiamento compartilhado de até US$ 80 milhões com outros bancos comerciais.

“A transação ajudará a Moema a estender de dez meses a 6,6 anos a média de vida da dívida refinanciada”, apontou outra chefe da equipe do BID, Sylvia Larrea.

O BID mantém que a operação permitirá que esta empresa, com sede em São Paulo, reoriente os fundos que atualmente usa para atender o serviço de sua dívida a curto prazo.

Além disso, servirá para financiar seu plano de investimentos de capital, incluindo os projetos que tendem a impulsionar a produção de açúcar, etanol e co-geração de energia a partir de biomassa.

A Moema é uma grande produtora de açúcar, etanol e bioenergia que opera em uma das indústrias de mais rápido crescimento no Brasil e no mundo.

Fonte: [ Portugal Digital ]

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Biocombustíveis

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.