Estudo: maconha desacelera efeitos de Alzheimer

[img:5nov00.jpg,full,alinhar_esq_caixa]Espanha – Uma equipe de pesquisadores israelenses e espanhóis descobriu recentemente novos efeitos positivos da maconha no tratamento de pacientes com mal de Alzheimer, informa a agência Ansa.

Os resultados, obtidos por meio de experimentos com ratos, mostraram que o cannabidiol (também conhecido como CBD) – uma das substâncias psicoativas da cannabis – pode desacelerar a perda da memória durante o desenvolvimento da doença.

O estudo foi apresentado formalmente em um congresso sobre a cannabis, organizado em Londres pela Royal Pharmaceutical Society of Great Britain.

Tony Moffatt, que liderou a reunião, afirmou que foram alcançados grandes avanços nas pesquisas sobre a maconha nos últimos dez anos. “Há um grande interesse sobre os efeitos benéficos da cannabis e das substâncias ligadas a ela, no que diz respeito a uma série de distúrbios relacionados à artrite, à esclerose múltipla e até à dor”, explicou.

A pesquisa foi acolhida com reservas por outros especialistas que apontam para os efeitos potencialmente opostos do THC, outro princípio ativo da cannabis.

As informações são do Terra

Fonte: [ O Dia Online ]

Deixe um comentário

Arquivado em Cannabis, Plantas Medicinais

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.