Orgânicos não são mais saudáveis que alimentos convencionais, diz pesquisa sobre estudos

[img:organicos.jpg,resized,centralizado]

(AFP)

LONDRES, Reino Unido — As pessoas que apregoam os benefícios do consumo de produtos cultivados naturalmente não vão ficar muito satisfeitas com um novo estudo que afirma que eles não são muito mais saudáveis que os produzidos de forma convencional.

Na pesquisa publicada esta semana em uma revista americana, os especialistas da London School of Hygiene and Tropical Medicine (LSHTM) afirmaram que não existem diferenças importantes entre os alimentos orgânicos e os produzidos de maneira convencional.

“Foi encontrado um pequeno número de diferenças no conteúdo de nutrientes entre cultivos e gados controlados organicamente e os de maneira convencional”, declarou o dr. Alan Dangour, principal autor do estudo. “Mas é pouco provável que tenham alguma importância na saúde pública”, continuou.

“Nossa pesquisa indica que atualmente não há nenhuma prova que apoie a escolha de comida produzida organicamente sobre a produzida convencionalmente com base em sua superioridade nutritiva“, acrescentou.

Os alimentos orgânicos, ou seja, os que não levam aditivos e são produzidos sem produtos químicos, como fertilizantes ou agrotóxicos, e sem modificações genéticas se multiplicaram nos últimos anos nos supermercados.

Mas são geralmente mais caros que os alimentos normais e, por isso, também sofreram duramente o impacto da crise econômica, que faz com que os consumidores pensem duas vezes antes de pagar mais por verduras cultivadas organicamente ou outros produtos similares.

O estudo, encomendado pela Agência Alimentar (FSA) britânica e publicado no American Journal of Clinical Nutrition, ameaça atingir novamente em cheio o lobby da comida orgânica.

Mas seus defensores destacam outros benefícios dos produtos desse tipo, em particular para o meio ambiente.

“A agricultura e o gado orgânicos são uma aproximação integral e integrada que conserva as terras e a biodiversidade, reduz a eliminação de nitrogênio dos gases de efeito estufa, e proporciona mais rendas ao produtor”, afirmou Andrew Lee, da Comissão para o Desenvolvimento Sustentável.

“E, para arrematar, provavelmente é mais saudável”, acrescentou em carta publicada no jornal The Guardian.

Molly Connisbe, da Associação Terra, assinala que as fazendas orgânicas têm em média 30% a mais de espécies, e 50% a mais de pássaros, borboletas e abelhas.

“Outros benefícios para o meio ambiente são evidentes. Há menos lixo tóxico nas fazendas orgânicas e quase não são usados pesticidas. O adubo com nitrogênio artificial é proibido na produção orgânica, ou seja, há menos perda de nutrientes”, explicou.

O estudo britânico revisou todos os estudos publicados nos últimos 50 anos sobre o conteúdo nutritivo e as diferenças para a saúde de ambos os produtos.

Copyright © 2009 AFP. Todos os direitos reservados

Fonte: [ Google ]

Anúncios

4 Comentários

Arquivado em Alimentos, Orgânicos

4 Respostas para “Orgânicos não são mais saudáveis que alimentos convencionais, diz pesquisa sobre estudos

  1. Será mesmo que os alimentos produzidos de forma “convencionais” são de igual valor nutricionais dos que os de produção “alternativa”?
    Sei que o mundo capitalista selvagem, quer uma produção de larga escala, coisa que a agricultura não se pode atingir, salvo para fins de Auto-Sustentabilidade. Não me espanta, que a selvageria, ou mesmo ganância, tente acorbertar a debandação do ecossistema.
    Mas não precisa ser nenhum cientista, doutor ou medico do solo, para afirmar que os alimentos produzidos por meio de “defensivos agrícolas” são menos saudáveis se pensarmos que a base da adubação é NPK (Nitrogenio, Fósforo, Potássio. Enquanto que na agricultura inteiraMente biológica, vão muito mais além do Trio NPK, isso é uma dedução lógica.
    É fácil pensar que eliminar os insetos que atacam a lavoura, seja a ação mais rápido, sem pensar em problemas isso causará paras as 2ªs e 3ªs gerações que estarão por surgir.
    Mas é difícil entender que incentivar a base na educação infantil de um planeta sustentável, ecologicamente equilibrado, que devemos respeitar os seres vivos, e que todos nesse planeta tem sua cadeia alimentar.
    Será mesmo que os alimentos orgânicos são mais saudáveis que a agritoxicultura ?

    Considerações
    Yermandu

    Curtir

  2. Será mesmo que os alimentos produzidos de forma “convencionais” são de igual valor nutricionais dos que os de produção “alternativa”?
    Sei que o mundo capitalista selvagem, quer uma produção de larga escala, coisa que a agricultura não se pode atingir, salvo para fins de Auto-Sustentabilidade. Não me espanta, que a selvageria, ou mesmo ganância, tente acorbertar a debandação do ecossistema.
    Mas não precisa ser nenhum cientista, doutor ou medico do solo, para afirmar que os alimentos produzidos por meio de “defensivos agrícolas” são menos saudáveis se pensarmos que a base da adubação é NPK (Nitrogenio, Fósforo, Potássio. Enquanto que na agricultura inteiraMente biológica, vão muito mais além do Trio NPK, isso é uma dedução lógica.
    É fácil pensar que eliminar os insetos que atacam a lavoura, seja a ação mais rápido, sem pensar em problemas isso causará paras as 2ªs e 3ªs gerações que estarão por surgir.
    Mas é difícil entender que incentivar a base na educação infantil de um planeta sustentável, ecologicamente equilibrado, que devemos respeitar os seres vivos, e que todos nesse planeta tem sua cadeia alimentar.
    Será mesmo que os alimentos orgânicos são mais saudáveis que a agritoxicultura ?

    Considerações
    Yermandu

    Curtir

  3. Isto é, eles (os cientistas) em vez de pesquisarem sobre a quantidade de nutrentes presentes nos alimentos, se basearam em pesquisas feitas nos últimos 50 anos !!!! Pesquisas estas bancadas em sua maioria pelas empresas multinacionais de transgênicos e que vendem fertilizantes…

    Isso é burrice demais… Não é não? Parece até piada de mau gosto;

    A questão continua no ar: por que os alimentos orgânicos são mais saborosos que os produzidos de forma não orgânica? O que eles possuem de diferente?

    Por que o sabor diferente?

    Curtir

  4. Isto é, eles (os cientistas) em vez de pesquisarem sobre a quantidade de nutrentes presentes nos alimentos, se basearam em pesquisas feitas nos últimos 50 anos !!!! Pesquisas estas bancadas em sua maioria pelas empresas multinacionais de transgênicos e que vendem fertilizantes…

    Isso é burrice demais… Não é não? Parece até piada de mau gosto;

    A questão continua no ar: por que os alimentos orgânicos são mais saborosos que os produzidos de forma não orgânica? O que eles possuem de diferente?

    Por que o sabor diferente?

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s