Genoma do pêssego ajudará melhorar qualidade de outras frutas

pessegoWashington, 19 abr (EFE).- Cientistas que conseguiram identificar a sequência do genoma do pêssego afirmaram hoje que essa conquista não só ajudará a melhorar a qualidade da fruta, mas também contribuirá para de outras frutas da mesma família.

A sequência com 27.852 genes do pêssego foi publicada no início de abril e a pesquisa foi realizada por cientistas americanos, espanhóis, chilenos e italianos.

A descoberta do genoma ajudará a melhorar características do pêssego, como seu sabor e a resistência às doenças dessa e de outras plantas, manifestou à Agência Efe Dorrie Main, professora de informática do Departamento de Horticultura da Universidade do Estado de Washington.

Acrescentou que a pesquisa trará benefícios a outros frutos e árvores da família Rosaceae, como amêndoa, amora, maçã, morango, ameixa, framboesa e os cítricos.

“Embora seja só uma parte da sequência do genoma, essa descoberta economizará, literalmente, anos de trabalho aos cientistas”, acrescentou.

Segundo a pesquisadora, os cientistas poderão identificar os genes que controlam importantes características do pêssego e de outras plantas.

Main manifestou que a sequência do genoma, conseguida após três anos de trabalho, é de alta resolução, embora tenha utilizado uma técnica antiga.

Além disso, servirá para melhorar a qualidade de outras culturas.

O código do DNA que determina o amadurecimento e o que controla a suculência, por exemplo, é o mesmo em muitas plantas.

“Compreender esta biologia fundamental da qualidade da fruta permite melhorar as qualidades de cada cultura”, acrescentou.

O genoma do pêssego, que contém 230 mil pares de bases, é relativamente pequeno em comparação com o do milho, que contém 2 bilhões de pares.

Bryon Sosinski, professor de horticultura da universidade da Carolina do Norte, indicou em declaração que se trata de uma das melhores sequências genéticas conseguidas no mundo vegetal e que “terá grande utilidade”.

Na pesquisa também participaram os cientistas chilenos Lee Meisel, da Universidade Andrés Bello, e Herman Silva, do Núcleo Cientista Milênio em Biotecnologia e Biologia Celular Vegetal. O Chile é o maior exportador de pêssegos do Hemisfério Sul. EFE ojl/dm

Fonte: [ Último Segundo ]

Anúncios

2 Comentários

Arquivado em Alimentos, Biotecnologia

2 Respostas para “Genoma do pêssego ajudará melhorar qualidade de outras frutas

  1. fatima

    gostaria de saber com que posso cobrir meus pessegos novos de bichos? obrigada fatima

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s