Arquivo da tag: Bioenergia

Padre cuiabano se diz perseguido por uso do método popular de curar doenças

por Edilson Almeida
Redação 24 Horas News

Bio-Saúde pretende ser um modo de vida mais saudável, natural e agradável


Nos dez anos de funcionamento da sede do Bio-Saúde, todos os pacientes que procuraram por atendimento foram atraídos pelas histórias de outras pessoas que fizeram o tratamento. Segundo Padre Renato, nunca foram feitas propagandas em rádio, jornal ou qualquer outro veículo de comunicação para atrair pacientes.


O tratamento de diversas doenças com o uso do método da bioenergia, que se vale de plantas medicinais aplicada aos enfermos, está sendo motivo de perseguição a um dos seus principais idealizados, o padre Renato Barth, que ensina a técnica da medicina popular há cerca de 40 anos em Cuiabá. A questão é de amplitude. A denúncia passa pelo imaginário, mas tem forte conteúdo de realismo. Mirando a técnica estariam grandes laboratórios e a indústria farmacêutica, que temem uma expansão maior do conhecimento – o que implicaria em prejuízos.

Os números do padre são fabulosos, de fato. Nesse período em evidência foram mais de 30 milhões de pessoas atendidas pelo método. Hoje, segundo ele, a bioenergia está organizada em mais de 40 países. Os ‘remédios’ utilizados são argila e plantas caseiras. O sistema, inclusive, já foi patenteado, a partir de estudos realizados pela Columbia University.

Brasileiro, apesar do sotaque carregado, padre Renato Barth é filho de mãe parteira, que contabiliza mais de 1.300 crianças “sem nunca ter qualquer tipo de problema” – numero que deve causar inveja a muitos médicos obstetras. Ele diz que desde criança, em sua casa, se faz o tratamento de doenças pelo método natural. “Nem farmácia existia” – enfatiza. Desde então, se diz distante das farmácias, dos médicos e das “necessidades de drogas permitidas e não permitidas”.

Continuar lendo

Anúncios

11 Comentários

Arquivado em Caso Drauzio Varella, Cursos, Doenças, Fitoterápicos, Medicamentos, Notícias, Plantas Medicinais

O fitoplâncton necessita de CO2!

O phytoplankton necessita de CO2 para produzir C e O2!
Por: Eng. Thomas Renatus Fendelwww.fendel.com.br

Muito mais do que os demais vegetais, o fitoplâncton formado pelos micro-vegetais que abundam e infestam os mares, consome vultosa quantidade de gás carbônico, acumula carbono, libera oxigênio e nada nos arredores da superfície da água em busca dos raios solares. Sua coloração é geralmente verde em função das clorofilas que fotossintetizam H2O e CO2 em carbohidratos, num processo semelhante ao efetuado por seus parentes terráqueos.

Estas singelas plantinhas aquáticas são verdadeiras micro-usinas de comida e de O2, constituindo a base alimentar da vida nos mares, sendo em parte consumidas por pequenos seres marinhos que se transformam em cardápio de peixes maiores; resultando este phytoplankton num volume que chega a 2/3 de todos os vegetais que habitam este planeta.
Muitos destes minúsculos seres fotossintéticos, em mais de 20 mil espécies diferentes e com vida de poucos dias, acabam decantando para as profundezas dos oceanos, onde se transformam em vultosos depósitos de carbono. Continuar lendo

4 Comentários

Arquivado em Sem categoria

Bioeletricidade: energia é captada diretamente das plantas

Em vez de hackearem as folhas das plantas, os cientistas plugaram um fio nas células de algas marinhas e capturaram diretamente o fluxo de elétrons produzido pela fotossíntese. (Imagem: RPL/Stanford)

Redação do Site Inovação Tecnológica – 26/04/2010

Recentemente, cientistas franceses construíram uma biocélula capaz de aproveitar um composto intermediário da fotossíntese das plantas para gerar eletricidade.

Agora, cientistas da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, foram além, e capturaram a eletricidade diretamente das plantas, sem a necessidade de uma biocélula.

Bioeletricidade

A fonte da energia usada pelos pesquisadores de Stanford também é a fotossíntese. Mas, em vez de hackearem as folhas das plantas, eles literalmente plugaram um fio nas células de algas marinhas responsáveis pela fotossíntese e capturaram diretamente o fluxo de elétrons que elas produzem.

Continuar lendo

Deixe um comentário

Arquivado em Sem categoria