Arquivo da tag: expedição

Museu Botânico recebe 10 mil exemplares de plantas

Desse total, mil exemplares são de espécies novas, algumas ainda nem catalogadas pela Botânica

Dormideira do Cerrado, uma das espécies coletadas

Dormideira do Cerrado, uma das espécies coletadas

Mais de 10 mil exemplares de plantas passaram a integrar o acervo do Museu Botânico Municipal – sendo que mil são espécies novas, algumas ainda nem catalogadas pela Botânica.

A coleta dos exemplares aconteceu durante expedição de técnicos do Museu aos estados de Goiás, Bahia, Minas Gerais e Paraná. A equipe trouxe dois tipos de flores de maracujá e um de mimosa que ainda não haviam sido descritos na literatura.

As expedições para detectar novas espécies e trazê-las à Curitiba são realizadas até cinco vezes por ano. A equipe escolhe locais pouco conhecidos e com a flora ainda pouco estudada.

Os técnicos que participam das expedições se consideram “discípulos” de Gerdt Guenther Hatschbach, fundador do museu que faleceu em abril deste ano aos 89 anos. O professor Gerdt, como era chamado, coletou mais de 80 mil plantas ao longo da vida.

Museu Botânico Municipal

O Museu tem o quarto maior acervo do país, com cerca de 400 mil plantas secas identificadas e preservadas. Ele fica dentro do Jardim Botânico, em Curitiba, e funciona de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 12h e das 13h às 17h. Finais de semana e feriados das 9h às 18h.

Fonte: [ Gazeta do Povo ]

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias

Cientista busca novas plantas para salvar a cafeicultura

Por Miguel Bustillo e Salomon Moore, de Boma, Sudao do Sul

Specialty Coffee Association of America Expedição em busca de café africano selvagem volta ao acampamento no platô de Boma, no Sudão do Sul.

Tim Schilling marchava através da selva africana seguindo uma nativa chamada Nyameron.

Uma espécie de Indiana Jones do café, Schilling, de 59 anos, estava em busca de um tesouro perdido: versões selvagens de “Coffea arabica”, os grãos cheirosos usados para o cafezinho de todo dia.

O agrônomo da Universidade Texas A&M dirige a World Coffee Research, uma organização sem fins lucrativos financiada por companhias e instituições de vários países, entre elas a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, a Embrapa.

Empresas e cientistas precisam de novas espécies para ampliar a pequena diversidade de genes do café mundial, a fim de proteger os cafeeiros contra possíveis epidemias e expandir as áreas onde os cobiçados grãos possam ser cultivados. Mas, depois de quatro dias cruzando este platô a oeste da Etiópia, sua expedição de 15 membros — que incluiu um taxonomista de café, um executivo da torrefação americana Green Mountain Coffee Roasters Inc., estudantes de agronomia e ajudantes contratados — ainda não havia achado nenhum espécime que parecesse novo.

Empresas estão se voltando à exploração para assegurar suprimentos futuros de café porque a produção parou de crescer e a demanda cada vez mais forte em países que estão crescendo, como o Brasil, já fez o preço dos grãos de café quadruplicar desde 2001.

Continuar lendo

Deixe um comentário

Arquivado em Alimentos, Biodiversidade, Cultivo