Arquivo da tag: Floresta

Sobre a Floresta Amazônica e o papel do Brasil nas Mudanças Climáticas

Nós vivemos num mundo capitalista, correto? A floresta Amazônica é importante para o equilíbrio do clima do mundo? Ótimo! Então criem um fundo de manutenção da floresta que permita o desenvolvimento sustentável da região e suspendam a DIVIDA PÚBLICA BRASILEIRA pelo tempo em que o Brasil cumprir as exigências do fundo. Num mundo capitalista a floresta em pé tem valor, resta saber quem está disposto a pagar.

Anderson Porto
www.TudoSobrePlantas.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Banco de Sementes, Biodiversidade, Biopirataria, Ecologia, Etnobotânica, Meio Ambiente

Como criar uma FLORESTA?

Um do poucos vídeos com legendas em português de Geoff Lawton, o maior e mais famoso “showman” da Permacultura.

Deixe um comentário

Arquivado em Árvores, Ecologia, Estudos, Meio Ambiente, Vídeos

Os sons da natureza II

Por Paulo Gurgel

0402n1-496

Uma coisa interessante sobre os sons da natureza é que as pessoas geralmente gostam deles. Mais do que gostam da música produzida por uma indústria bilionária.

Pensem, para início de conversa, em como o gosto musical é subjetivo. Umas pessoas gostam de alguns gêneros, mas detestam outros, e não há nenhuma música de que todo mundo goste.

No entanto, os sons da natureza apresentam uma aceitação muito mais ampla. É difícil encontrar uma pessoa que não goste do som das ondas quebrando na praia, por exemplo.

Por que isso? Talvez porque o fato de sentir-se na natureza, rodeado por uma acústica de ambiente pura, traga uma sensação de calma que é difícil de experimentar em ambientes urbanos.

Provavelmente, por haver uma predisposição do cérebro humano para reagir positivamente ao ser exposto a esses sons naturais.

Assim, a sensação de estar na natureza, a ouvir seus sons, pode aliviar o estresse, por estar profundamente registrado no cérebro, desde a pré-história, quando as comunidades humanas viviam em um ambiente com tais sons.

Mixagem

Use a ferramenta seguinte (link), uma espécie de mixer virtual, para reproduzir os sons da natureza. Para relaxar, ler, dormir, meditar ou apenas para se divertir.

[ naturesoundsfor.me ]

Configurando-a, você pode criar uma composição sonora exatamente a seu gosto.

Fonte: [ EntreMentes ]

1 comentário

Arquivado em Curiosidades

Em um dia, população de Sorocaba planta 10 mil árvores

A ação ambiental faz parte do Plano Municipal de Arborização Urbana que tem como meta o plantio de 500 mil árvores em Sorocaba até o final do ano. | Foto: Gui Urban

Na manhã de domingo (9), a Prefeitura de Sorocaba, cidade do interior paulista, realizou a 3ª edição do Megaplantio no Parque Natural Municipal Corredores de Biodiversidade – a primeira unidade de conservação do município, localizada na Zona Norte da cidade, próximo ao Parque Tecnológico. Quase mil pessoas compareceram ao evento e plantaram aproximadamente dez mil árvores, das 30 mil unidades disponibilizadas.

Coordenada pela Secretaria do Meio Ambiente (Sema), a ação ambiental faz parte do Plano Municipal de Arborização Urbana que tem como meta o plantio de 500 mil árvores em Sorocaba até o final do ano. “Mais importante que o ato é o significado dele. Essa é uma ação ambiental que envolve também a questão da cidadania, da participação dos sorocabanos. As pessoas que vieram até aqui e participaram do Megaplantio não vão esquecer nunca mais a sua contribuição para o meio ambiente de Sorocaba. Esse é um dos nossos deveres com o nosso planeta”, destacou o prefeito Vitor Lippi.

Continuar lendo

Deixe um comentário

Arquivado em Árvores, Estudos, Eventos, Meio Ambiente, Mudas

Indiano planta sozinho floresta de 550 hectares

Jadav Payeng dedicou 30 anos de sua vida para alcançar um milagre: ele conseguiu transformar um banco de areia estéril em um novo ecossistema, uma floresta exuberante de 550 hectares, uma área equivalente a 600 campos de futebol.

Quando ainda adolescente, um desastre natural no Assam, região norte da Índia, mudou o modo como Payeng via o mundo. Uma grande inundação trouxe para perto de sua casa dezenas de cobras e animais pequenos. No dia seguinte, quando as águas recuaram, todos estavam mortos. A paisagem não contava com nenhum tipo de cobertura de árvores. Sem sombra, os animais secaram com o calor escaldante do Sol.

Chocado com a cena, ele tentou entrar em contato com o departamento florestal nacional, mas foi informado sobre a infertilidade do local, e de que, no máximo, alguns bambus cresceriam por ali.

Continuar lendo

5 Comentários

Arquivado em Meio Ambiente

Prédio abrigará floresta vertical na Itália

Com duas torres de até 110 metros de altura, ele faz parte de um projeto de reflorestamento metropolitano

Ele hospedará aproximadamente 900 árvores, o que equivale 10.000 m² de floresta em um terreno plano

São Paulo – Duas torres verdes estão sendo construídas em Milão, Itália. O Bosco Verticale (floresta vertical, em português) é um projeto de reflorestamento metropolitano com a finalidade de contribuir com o desenvolvimento da biodiversidade no ambiente urbano.

A utilização de áreas verticais é uma forma de inserir espaços verdes na área urbana sem que seja preciso expandir o território da cidade. O modelo em construção na Itália opera de acordo com as políticas de reflorestamento das fronteiras urbanas do país.

São duas torres residenciais de 110 e 70 metros de altura que hospedarão cerca de 900 árvores, além de uma variedade de arbustos e plantas florais. Em um terreno plano, a área verde das torres seria equivalente a 10.000 m² de floresta.

A diversidade vegetal produz umidade, absorve o CO2, protege o ambiente do Sol e da poluição sonora. Segundo o projeto, que começou a ser desenvolvido em 2007 e está na etapa de construção, as plantas serão regadas com água filtrada e reutilizada do próprio prédio. Sistemas de energia eólica e solar vão colaborar com a autossuficiência energética das duas torres.

Fonte: [ Exame ]

Deixe um comentário

Arquivado em Árvores, Projetos

Floresta esverdeia mesmo sem receber chuva na Amazônia

O sistema antiestresse da floresta amazônica, pelo menos na severa seca de 2005, funcionou melhor do que o esperado. Na edição de sexta-feira (21) da revista científica “Science”, pesquisadores mostram como a região, mesmo sem água, registrou um rebrotamento de suas plantas em muitas áreas.

A chuva sumiu, mas mesmo assim a Amazônia ficou mais verde – e não mais seca, como os modelos previam – depois da pior estiagem em 60 anos.

“O ecossistema não se mostrou negativamente reativo ao estresse hídrico”, afirma em língua de cientista Humberto da Rocha, do IAG – Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da USP – Universidade de São Paulo. Ele é um dos autores do artigo.

Entre as várias condicionantes que agem sobre a floresta, o estímulo dado pelo calor e pela radiação acabou sendo mais forte do que a falta d’água. “Isso sugere que a reação ao estresse hídrico pode ser muito menor que pensávamos”, diz Rocha.

Mas a aparente boa notícia não é suficiente para espantar o fantasma da savanização de boa parte da região amazônica, caso o aquecimento médio da temperatura na região seja mais constante.

Continuar lendo

Deixe um comentário

Arquivado em Artigos, Notícias